Category Archives: Redes

PDF de atualização do livro CCNA 5.0 para o novo CCNA 6.0

tux_cisco

Presentinho do Marco Fillipetti para comunidade 🙂 show de bola!

Conforme prometido, estou disponibilizando aqui o PDF que torna o livro CCNA 5.0 (vermelho) 100% compatível com a nova versão do exame CCNA (200-125). Basta clicar na figura abaixo.

Aproveitem e deixem aqui seu feedback e sugestões.

Abraço!

Marco Filippetti

 

5060

CCNA questão de trouble de drag and drop

tux_cisco

Acho muito boa essas questões, porque em toda prova tem coisas inúteis para o dia dia e ccna não é diferente…se a finalidade é passar na prova  e não saber o conteúdo basta decorar 300 questões que já resolve, mas focando na questão abaixo ela é totalmente trouble e “cai na vida real”

Vamos lá!

  1. Serial up e protocolo up? tudo certo!!! ou seja porta operacional
  2. Serial está up mas o protocolo está down, como estamos falando de SERIAL basta um ajuste do protocolo que sua porta sobe, por default o serial vem com HDLC, tente encapsulation ppp ou encap ? e vá testando os protocolos que o protocolo ficando UP problema resolvido então estamos falando de? LAYER 2 PROBLEM, lembrando que você não tem que se preocupar com clock se for o cliente.
  3. Serial down e protocolo down, porta física fora e também o protocolo o que nós leva a um problema de camada 1 cabo/conector etc
  4. Serial está administrativamente down eo line is down, o administrador deu manualmente shutdown na porta resposta? port disabled

troubleh-drag-and-drop-1

 

troubleh-drag-and-drop-2

Anti Dump – Pergunta 2 – Protocolos

tux_cisco

Com o intuito de combater o DUMP, que se colocado no google tradutor você vai encontrar a palavra LIXEIRA, vou fazer uma série de posts de um arquivo de dump porém explicando as opções erradas e também a correta, a Cisco lançou um ataque pesado contra os sites de dump isso valoriza o peso da certificação CCNA e eu apoio!

In order to combat DUMP, which placed the translator google you will find the word DUMP, I will do a series of posts to a dump file but explaining the wrong choices and also correct, Cisco launched a heavy attack against dump sites that values the weight of the CCNA certification and I support!

Uma perguntinha dessa da para aprender muita coisa.

Which protocol uses a connection-oriented service to deliver files between end systems? 

  1. TFTP B. DNS C. FTP D. SNMP E. RIP

 

Qual protocolo usa a conexão orientada a objeto para transferir arquivos entre sistemas

TFTP usa udp na porta 69

DNS domain name, também utiliza UDP porta 53 e tem muita documentação sobre inclusive agora com IPV6 bombando leia sobre DNS + ANYCAST cai no ccna também

snmp – também não usa tcp – protocolo de “control plane estudar SDN CONTROL PLANE” nesse caso protocolo de gerenciamento de rede muito usado para coletas, não usa o termo cliente servidor quem “avisa” é o despositivo ele atua como um gerente da rede, utiliza porta 161 e 162 para traps.

“O software de gerência de redes não segue o modelo cliente-servidor convencional pois para as operações GET e SET a estação de gerenciamento se comporta como cliente e o dispositivo de rede a ser analisado ou monitorado se comporta como servidor, enquanto que na operação TRAP ocorre o oposto, pois no envio de alarmes é o dispositivo gerenciado que toma iniciativa da comunicação. Por conta disso, os sistemas de gerência de redes evitam os termos ‘cliente’ e ‘servidor’ e optam por usar “gerente” para a aplicação que roda na estação de gerenciamento e “agente” para a aplicação que roda no dispositivo de rede.

rip – usa também não usa tcp, ele usa IP e UDP para as mensagens de hello não entrarei maiores detalhes até mesmo por que tem versão 1 e v2 que trabalham de forma diferentes, nas referencias que li diz que usa porta 520 udp e tcp.

Nós resta o FTP que trabalha no modo cliente servidor e necessita que esteja uma conexão em listening como o TCP trabalha garantido a conexão e estabelecimento da comunicação e retransmitindo caso necessário, basicamente o tcp garante a entrega eo udp não.

Anti Dump – Pergunta 1 – OSI

tux_cisco

Com o intuito de combater o DUMP, que se colocado no google tradutor você vai encontrar a palavra LIXEIRA, vou fazer uma série de posts de um arquivo de dump porém explicando as opções erradas e também a correta, a Cisco lançou um ataque pesado contra os sites de dump isso valoriza o peso da certificação CCNA e eu apoio!

In order to combat DUMP, which placed the translator google you will find the word DUMP, I will do a series of posts to a dump file but explaining the wrong choices and also correct, Cisco launched a heavy attack against dump sites that values the weight of the CCNA certification and I support!

 

Which OSI layer header contains the address of a destination host that is on another network?

  1. application B. session C. transport D. network E. data link F. physical

Qual camada contém o ip do destino – camada de rede (network)

As funções exercidas na camada de rede do modelo OSI estão listados abaixo:

  • Tráfego direção ao destino final
  • Dirigindo; lógico endereços de rede e serviços endereços
  • Encaminhamento de funções; descoberta e seleção de rotas
  • Comutação de pacotes
  • Controle de sequenciamento de pacotes
  • Detecção de erro End-to-enddos dados (a partir do emissor para o receptor de dados).
  • Controle de congestionamento
  • Controle de fluxo
  • Portal de serviços

 

Recomendação de livro de cabeceira de cama

tux_cisco

Olá hoje estou postando uma recomendação, muitos dos meus posts eu produzo enquanto testo uma técnica ou tecnologia, outros mais antigos são repositório do blog do barata que respeito muito e vivo no blog dele, e hoje estou aqui para indicar o livro do Samuel H B Brito, nem precisava na verdade porque ele já é de certa forma uma figura pública tal como o Filipetti no cenário de redes porém o livro dele foi um abre fronteiras no meu caso, todos em algum momento da sua carreira vão querer saber como simular um ambiente de internet,  como segmentar sua rede em vlans eu fiz um projeto a 4 anos que usei o livro dele pra um projeto interno que era segmentar internamente toda rede da minha empresa para melhorar a qualidade da voz, eu cuidava da voz mas o “povo de rede” não tinha visão do quanto me afetava uma rede mal elaborada internamente, após isso a visão geral de segmentação de rede e QOS mudou…claro que com ódio de mim 😀

No livro também temos exemplos de como trabalhar com IPV4 e roteamentos diversos tais como RIP/OSPF/EIGRP é um livro de laboratórios como se faz mesmo(how to), ou seja se quer um livro com teoria não é esse seu livro porém você pode usa-lo como referência técnica em dezenas de assuntos.

Falando mais um pouquinho temos cases de load balance que TODO mundo quer saber como faz o livro trás alguns exemplos também.

Finalizando o livro é com foco em tecnologias CISCO, porém as técnicas podem tambpem ser usadas em Juniper/mikrotik etc… exemplos do livro como fazer rotas default etc se aplicam em vários cenários e não só em ambientes CISCO.

Comprem está de graça…o livro já se encontra em sua segunda edição e tem todos laboratórios online para baixar no site do autor -> http://labcisco.blogspot.com.br/2012/10/livro-laboratorios-de-tecnologias-cisco.html nem pense duas vezes se você é da área de redes de verdade e não da área de gambiarra, nem pense em achar PDF compre que é garantido.livro-lab-cisco

http://novatec.com.br/livros/labcisco-2ed/

 

 

Trabalhando com cisco routers com “menos medo”

tux_cisco

Bom quem trabalha todo dia com routers cisco/juniper/mikrotik sabe que as vezes cheats happen… só se machuca quem joga esse é  uma dica básica mas vejo pouco usando o que pode ocasionar um problema sério em um backbone por exemplo…

Com isso em mente sempre tento antes de ativar qualquer coisa no trabalho, fazer scripts e em casos mais sérios com router cisco temos o comando salvador “reload in”  em juniper tem o commit check e mais ferramentas lindas que te salvam…

Normalmente, quase sempre você usa o reload apenas para dar boot mas ele tem outas funções uma delas em especial e é o reload in, ( tem o reload at que serve pra agendar o boot ajuda bastante faço outro post depois sobre)

Com o reload in você pode setar quantos minutos vai ocorrer um reload após você dar o comanda exemplo: reload in 2, faz com que em dois minutos seja agendado um reload, a ok show fiz uma cacá vai rebootar em 2min, mas caso eu tenha feito tudo certinho como proceder? simples, exemplo: reload cancel

Como faço para ver quanto tempo ainda tenho antes do reload? exemplo: show reload

 

Abaixo umas telas dele funcionando, bons testes !!! Note também que ele mostra certinho o start do shutdown e cancelamento do mesmo muito prático 🙂

reload-in